Fundo de Água no Pipiripau - Fondos de Agua

DESCRIÇÃO

Brasília é uma savana com um forte clima estacional (com estações seca e chuvosa). Embora o seu planejamento inicial considerado um abastecimento de água futuro seguro, a cidade cresceu muito além do que era esperado. A Bacia do Rio Pipiripau, a nordeste de Brasília, produz mais de 80% dos produtos hortícolas que abastecem o Distrito Federal e fornece água potável para 10% da população da capital (200.000 habitantes). A destinação de terras para pastagem e agricultura nos últimos cinqüenta anos, deixou apenas 18% da vegetação natural, o que dim}

inuiu em 40% o fluxo de estação seca média (fluxo de base) do rio Pipiripau, dando origem a conflitos pelo uso da água entre os proprietários que usam a irrigação do canal Santos Dumont e CAESB, empresa de distribuição de água de Brasília.

BENEFICIÁRIOS

200.000 pessoas nos municípios de Sobradinho e Planaltina, agricultores, pecuaristas e empresas de abastecimento de água.

  • Data de início: Julho 2012
  • Em operação: SIM
  • Cidade: Brasília, Planaltina
  • Países: Brasil
  • Latitude: 15 ° 47 ‘0 “S
  • Longitude: 15 ° 47 ‘0 “S

Contato: Samuel Barreto
Telefone: 55-41-2111-8757
Email: fondosdeagua@tnc.org

ÁREAS DE ATENÇÃO

  • Pagamentos por serviços ambientais
  • Conservação do solo
  • Manutenção de estradas de terra e recuperação de áreas.

Bacia Hidrográfica: Pipiripau

PARCEIROS DO PROJETO

  • Fundação Banco do Brasil
  • Empresa de Água de Brasília (CAESB)
  • Agência de Águas e Saneamento do Distrito Federal (ADASA)
  • Empresa Federal de Extensão Rural (EMATER-DF)
  • Agência Ambiental Federal (IBRAM)
  • Secretariado Federal da Agricultura (SEAGRI-DF)
  • Secretariado Ambiental e de Recursos Hídricos (SEMARH-DF)
  • Ministério da Integração (MI)
  • Agência Nacional de Água (ANA)
  • Comitê Nacional de Serviços Sociais da Indústria (SESI / CN)
  • Universidade de Brasília (UNB)
  • WWF Brasil
  • The Nature Conservancy